16 de jun de 2012

PROMESSAS & BLÁ BLÁ BLÁ. UMA RATOEIRA PARA PEGAR SAPOS.



A conversa se inicia normalmente sempre da mesma forma: “Eu te prometo estar sempre aqui”. “Eu te prometo todo meu amor”. “Eu te prometo... prometo... prometo...” Blá blá blá. E parece que sempre acaba com um irônico “Isso nunca aconteceu” ou “Não era pra ser assim”.

Ah! Promessas, promessas e mais promessas. Prometer algo é o compromisso de dar ou fazer alguma coisa. Uma palavra simples que nunca é dita em grande exaltação, para os quatro cantos do mundo ouvir. Elas sempre são enunciadas por uma baixa e doce voz, de uma forma quase imperceptível, um sussurro ao pé do ouvido, para assim, quem sabe, elas não possam ser entendidas e quem as proferiu não tenha que arcar com as consequências. Somente quem diz e quem ouve deve saber o que foi dito – é melhor não ter testemunhas.